Provedores de tecnologia capazes de oferecer soluções para análise em real-time e orientadas para o Mercado, irão se destacar perante o crescimento do mercado de BDA

SP, Brasil – 23/04/2018 – O relatório da Frost & Sullivan, Latin American Big Data and Analytics (BDA) market, aponta uma receita para esse mercado de $2.9 bilhões em 2017 com projeção de $8.5 bilhões até 2023, com um compound annual growth rate (CAGR) de 19.2%. Atualmente Brasil é o país com maior receita, contribuindo com 46.7% do total de receita, seguido por Mexico (26.7%), Colombia (7.9%), Chile (6.9%), Argentina (5.6%) e Peru (2.4%). O amadurecimento das organizações que são orientadas a dados, aumento da produtividade, fidelidade do cliente e Internet das Coisas (IoT) são fatores-chave para alavancar o mercado. As empresas que investem na construção e expansão de ativos de BDA, ao mesmo tempo em que se preocupam com segurança e privacidade, poderão se beneficiar das diversas oportunidades que esse mercado tende a apresentar.

“IoT desempenhará um papel crucial na adoção do BDA. Com uma variedade de informações geradas por dispositivos e sensores conectados, a extração e análise de grandes conjuntos de dados para análise em tempo real, gerando insights e melhorando a experiência do consumidor, constituirá uma vantagem competitiva fundamental ”, disse Mauricio Chede, Analista Sênior da Frost & Sullivan.”

O estudo aborda oportunidades de crescimento, impulsionadores e restritores, além de receita dos países e quebra da receita por vertical de indústria, além das estratégias competitivas dos principais players do mercado como IBM, Oracle, SAP e SAS.

Para mais informações sobre esse relatório, acesse: http://frost.ly/2fa

Cinco maneiras de impulsionar oportunidades de BDA na América Latina:

1.    Soluções acessíveis de Hadoops: Adotar ou desenvolver novas soluções na plataforma Hadoop para reduzir custos e melhorar desempenho durante as atividades de processamento de dados.
2.    Soluções analíticas em Real-time: A maior utilização no que diz respeito ao uso de redes sociais, penetração de smartphones e eCommerce, aumentou a necessidade de análise dinâmica de dados. Empresas devem concentrar-se em como tirar proveito dessa maior base da dados sendo gerada em real time.
3.    Soluções não Tecnicas: Soluções que não precisam de habilidades tecnicas para serem implementadas na análise dos dados. Repensar as ferramentas para criar soluções fáceis de usar, que forneçam recursos para visualizer e facilmente criar análises a partir de dados brutos estão sendo cada vez mais demandadas.
4.    Abordagem Setorial: Desenvolvimento de soluções focadas no atendimento dos principais setores da industria que adotam e utilizam análises avançadas de distintas maneiras. As principais verticais em termos de investimento em BDA, incluem serviços financeiros, varejo e telecomunicações.
5.    Abordagem Consultiva: Educar o Mercado em relação aos benefícios e retorno sobre investimento na implementação de soluções de BDA.

“Diversos fatores limitam o crescimento do Mercado, incluindo infraestrutura legada, orçamentos restritos da area de TI e falta de mão de obra especializada em BDA,” observou Chede. “Para atender a necessidade de profissionais mais especialiados, as empresas estão investindo no treinamento de seus funcionários e no desenvolvimento de cursos de extensão.”

Latin American Big Data and Analytics Market, Forecast to 2023

K24B_72

Contato:

Francesca Valente

Corporate Communications – Latin America

T: +54 11 4777 5300

E: francesca.valente@frost.com

http://www.frost.com

About Francesca Valente

Francesca currently serves as Global Corporate Communications Director at Frost & Sullivan. Working as part of the broader integrated MarCom strategy, she leads the development, coordination and implementation of the Company's communications plan. With a specific focus on elevating and championing the voice of the brand, and its most Senior Practice Leaders, she ensures there is consistency and alignment across Frost & Sullivan's internal and external communications channels, and geographies. Her 12-year international experience in MarCom includes positions in the automotive, retail and cosmetics industries across Europe and South America. She speaks italian, english, spanish and french fluently.

Francesca Valente

Francesca currently serves as Global Corporate Communications Director at Frost & Sullivan. Working as part of the broader integrated MarCom strategy, she leads the development, coordination and implementation of the Company's communications plan. With a specific focus on elevating and championing the voice of the brand, and its most Senior Practice Leaders, she ensures there is consistency and alignment across Frost & Sullivan's internal and external communications channels, and geographies. Her 12-year international experience in MarCom includes positions in the automotive, retail and cosmetics industries across Europe and South America. She speaks italian, english, spanish and french fluently.

Share This
X