Menu

Frost & Sullivan’s Transformational Health constata que demonstrar o ROI é crítico para o mercado de saúde digital se estabelecer no Brasil

SÃO PAULO, Brasil – 20-03-2017 – O aumento contínuo no número de idosos e pacientes com doenças crônicas no Brasil vêm colocando luz na necessidade de soluções de saúde voltadas à prevenção a exemplo de telemedicina e saúde móvel (mHealth). Estas duas frentes na saúde digital sugerem níveis nunca antes vistos no tocante à eficácia e qualidade na provisão de saúde, o que, por sua vez, pode reduzir o saldo dos elevadíssimos gastos com saúde no país. Além do mais, podem otimizar fluxos de receita, e aprimorar os pontos de contato tanto em direção aos pacientes quanto médicos, de modo que a entrega de saúde possa ser feita nas pontas dos dedos dos pacientes.

“Há um crescente interesse em soluções digitais orientadas ao uso profissional e também focadas no consumidor, embora muitas destas soluções tenham que superar uma fase embrionária piloto para que sejam, de fato, comercializáveis”, apontou o analista Rafael Pellegrini da Frost & Sullivan Transformational Health. Ele acrescenta que, “os participantes do mercado de Telemedicina e mHealth, portanto, precisam ter em mente soluções centradas no consumidor e que simultaneamente seus modelos de negócios possam gerar escala com retornos sobre o investimento (ROI) tangíveis”.

Mobile Health and Telemedicine Markets in Brazil, Forecast to 2020, estudo recente da Frost & Sullivan e seu programa de subscrição – Connected Health; revelam que o mercado de mHealth foi estimado em 531 milhões de dólares em 2016 no Brasil e a expectativa de atingir incríveis 1.43 bilhões de dólares em 2020, representando uma taxa anual de crescimento composta (CAGR) de 26.3%. Já o valor do mercado de telemedicina foi estimado em 522 milhões de dólares em 2016 e previsto para alcançar 744 milhões de dólares em 2020 a um CAGR de 8.5%.

Clique aqui para obter acesso gratuito a mais informações sobre esta análise.

Embora os benefícios de mHeath e telemedicina sejam incontestáveis, o mercado é irrefutavelmente incipiente e afetado, em grande parte, pela percepção de baixo valor por muitos consumidores e usuários finais. Somado a isto, uma infraestrutura caducante, falta de estrutura e especialistas em extensas regiões brasileiras, além de preocupações inerentes em torno de privacidade e segurança, são todas estas, forças contrárias, que pressionam o mercado contra a possibilidade de atingir todo o seu potencial. 

“Os mercados de telemedicina e mHealth começaram a enfrentar a relutância dos consumidores através da introdução de novas linhas de serviços, além de atualizações dos atuais serviços e plataformas já existentes no mercado”, apontou Pellegrini. “Os participantes que, muito provavelmente, obterão sucesso no mercado, serão aqueles que de forma clara consigam demonstrar e medir o ROI, performance e custo-efetividade de suas soluções. Ainda assim, há um longo caminho para atrair clientes em negócios B2B como operadoras de planos de saúde, governo e indústria farmacêutica.

Mobile Health and Telemedicine Markets in Brazil, Forecast to 2020

K08F-48

Contato:

Francesca Valente

Corporate Communications – Americas

P: +54 11 4777 5300

F: +54 11 4777 5300

E: francesca.valente@frost.com

About Francesca Valente

Francesca ValenteFrancesca currently serves as Global Corporate Communications Director at Frost & Sullivan. Working as part of the broader integrated MarCom strategy, she leads the development, coordination and implementation of the Company's communications plan. With a specific focus on elevating and championing the voice of the brand, and its most Senior Practice Leaders, she ensures there is consistency and alignment across Frost & Sullivan's internal and external communications channels, and geographies. Her 12-year international experience in MarCom includes positions in the automotive, retail and cosmetics industries across Europe and South America. She speaks italian, english, spanish and french fluently.

Francesca ValenteFrancesca Valente

Francesca currently serves as Global Corporate Communications Director at Frost & Sullivan. Working as part of the broader integrated MarCom strategy, she leads the development, coordination and implementation of the Company's communications plan. With a specific focus on elevating and championing the voice of the brand, and its most Senior Practice Leaders, she ensures there is consistency and alignment across Frost & Sullivan's internal and external communications channels, and geographies. Her 12-year international experience in MarCom includes positions in the automotive, retail and cosmetics industries across Europe and South America. She speaks italian, english, spanish and french fluently.

Have Questions?

We have Answers.

Schedule a Complimentary Growth Strategy
Dialogue with an Industry Expert

Call Frost & Sullivan Icon

877.GoFrost

(877.463.7678)

Email Frost & Sullivan

myfrost@frost.com

Frost & Sullivan Footer Logo

Powering Clients to a Future Shaped by Growth

Frost & Sullivan Twitter    Frost & Sullivan LinkedIn

Subscribe to the Growth Opportunity Newsletter!

Share This
X